segunda-feira, julho 21, 2014

Serenamente.

Anna Pavlova, photographer

Dia após dia
Serenamente
Embalo-me
nas águas calmas
da minha alma
Mergulho
no espírito da maré
Renasço
na ondulação do vento.

11 comentários:

Cidália Ferreira disse...

ADOREI!

Votos de uma excelente semana.
Beijos

Coisas de Uma Vida 172

© Piedade Araújo Sol disse...

sim, o poema transparece o teu estado de alma.

força e um

beijo

:)

Graça Pires disse...

Renascer quantas vezes for preciso. Dia após dia... Muito belo, minha amiga, companheira dos sonhos...
Um beijo.

Duarte disse...

Gosto.
Ondulação do vento que mece as marés placidamente...
Besos

Vera Cymbron disse...

Eu também renasci... espero por si no Scribbles & Letters...

heretico disse...

... e pressente a brisa nos cabelos. e
marulhar das ondas na tarde amena.

e uma brevíssima nostalgia a toldar o rosto

belíssimo.

beijo

Patrícia Pinna disse...

Bom dia, Menina Marota.
Belíssimo poema.
Embalar, mergulhar e renascer.
Intensidade em nossos dias, cada qual vivenciando na alma uma maneira diferente de dar continuidade aos dias de amor por nós mesmos.
Tenha uma semana de paz.
Beijos na alma.

fernando disse...

< … do vento. > E do mar que MM tanto gosta. É lá no fundo dele que se encontra as Verdadeiras Pérolas!

Jc

DE-PROPOSITO disse...

Dia após dia
--------
Dia após dia aproximamo-nos do fim da caminhada.
----------
Que a felicidade ande por aí.
MANUEL
7 AGOSTO 2014

aflores disse...

Partilho desta ondulação, serenamente.

Tudo de bom.

Manuel Luis disse...

Serenamente apenas com o vento suave.
Bj