domingo, março 26, 2006

Passagem das horas...



Trago dentro do meu coração,
Como num cofre que se não pode fechar de cheio,
Todos os lugares onde estive,
Todos os portos a que cheguei,
Todas as paisagens que vi através de janelas ou vigias,
Ou de tombadilhos, sonhando,
E tudo isso, que é tanto, é pouco para o que eu quero.
[...]
Eu quero ser sempre aquilo com quem simpatizo,
Eu torno-me sempre, mais tarde ou mais cedo,
Aquilo com quem simpatizo, seja uma pedra ou uma ânsia,
Seja uma flor ou uma ideia abstracta,
Seja uma multidão ou um modo de compreender Deus.
E eu simpatizo com tudo, vivo de tudo em tudo.
[...]
Multipliquei-me, para me sentir,
Para me sentir, precisei sentir tudo,
Transbordei, não fiz senão extravasar-me,
Despi-me, entreguei-me,
E há em cada canto da minha alma um altar a um deus diferente [...]

[*Excerto]Poema de Álvaro de Campos


[*]Podem ler aqui o poema completo...

33 comentários:

anne disse...

Olá marotinha, que lindo poema. E que bom viver de tudo em tudo. Adorei! Beijoka e bom domingo com alegrias, simpatizando com tudo, rs.

Arion disse...

É verdade, nada mais somos do que o somatório das nossas experiências. E da interpretação que delas conseguirmos fazer. Beijo!

candida disse...

e não é toda a gente assim ou sou eu (e o pessoa) que sou uma anormal !?

Isabel-F. disse...

Adorei reler...

beijinhos

agua_quente disse...

Imprescindível, a sua leitura. São estes balanços que nos fazem entender a (nossa) vida.
Beijos

Claudinha disse...

gosto da simplicidade das palavras e dessa musica. É fantástica!!vou ler o poema completo. Beijos

Era uma vez um Girassol disse...

"Eu quero ser sempre aquilo com quem simpatizo,"
Complexo e simples ao mesmo tempo!
Difícil de conseguir...Queria ser tanta coisa boa e...
Muito bonito este poema, muito profundo.
Querida Marota, um beijinho !

tron disse...

Agradeço que divulgas a má fé da tv cabo com o GNT e a introdução da Rede Recor na tv cabo, quantas mais pessoas saberem melhor isso pode dar um tantantan diabólico só basta alguem opor a boca no trombone e falar

JL disse...

Passo e deixo num beijo o desejo que a tua semana te traga um sorriso.

BlueShell disse...

Que bom reler Álvaro de Campos! Gosto Muito!
Por vezes não é fácil de entender...
Mas gsoto muito!
beijito
***BShell

jorgesteves disse...

'Esta' Pessoa é, realmente, extraordinária!..
(a pintura está bem escolhida e a música embala as palavras do Poeta...)
jorgesteves
http://www.contextualidades.blogspot.com/

jorgesteves disse...

(deixam-me grato as palavras que deixou nas esquinas das minhas; embrulhei-as em sorrisos e pendurei-as na minha memória. Obrigado)
jorgesteves
http://www.contextualidades.blogspot.com/

Anónimo disse...

Maravilhosas palavras conectadas decertompor uma maravilhosa pessoa....

missivas disse...

O Àlvaro ( ou outro por ele ) anda a escrever mais uma carta. Mas ainda não a acabou...
Boa semana.

MDeus disse...

Se todos quisessem...era tudo tão bonito. Parabéns pela escolha e foto.
Beijinhos.

Isa&Luis disse...

Belíssimo poema, muito profundo. A imagem é espectacular, a musica divina. Parabéns!

Beijinho fofo

Isa

Anarquista Duval disse...

O que mais me faz tripar no poema é o "transbordei", perfeito pessoa.

TMara disse...

como este sentir toca as cordas da alma...Obrigada (pelo excerto e pela totalidade).
Boa semana. Bjs. luz e paz em teu caminhar

lena disse...

belo! Adoro Caeeiro, mas realmente Álvaro de Campos consegue também tocar-me pela tonalidade das suas palavras, pela beleza dos seus versos
um mutiplicar de sentires que me enche a alma

és linta menina

sabes partilhar o que é belo, a poesia habita em ti e és poesia também

beijinhos cheios de ternura doce menina

lena

pensamentos disse...

Olá,
Já não passava aqui há muito tempo,
mas vejo que por aqui se continua a passar bons momentos...

beijo e boa semana

Silêncios disse...

"E há em cada canto da minha alma um altar a um deus diferente"... Sim...
Deixo-te um beijo

Pamina disse...

Belo acompanhamento para o poema:).
"Vivo de tudo em tudo", muito bonito.
Boa semana. Beijinhos.

Isabel Magalhães disse...

Excelentes... o poema e a imagem!

Um beijinho.

miguel disse...

belo.eterno

Perfect Woman disse...

Musica/palavras/sentimentos/mulher/femêa/mãe/amiga/reflexão...
Como tão bem consegues escolher poemas que me dizem tanto...
Adorei de novo.
Jinhos ternos

Elise disse...

continuação de uma boa semana, querida amiga!

@Memorex disse...

Memina-Marota, desejo-te somente uma boa semana e agradeço a amabilidade das tuas palavras no meu novo blogger artistico.

Gostei do poema de Àlvaros Campos :)

Grandes abraços e bjokitas larocas, carinhosamente Memorex

Mestrinho disse...

Olá Menina_marota, que lindo cantico de personalidade que nos trazes, achei muito lindo mesmo, não só por ser de alvaro de Campos.. Mas pela mensagem transmitida.
Um bjo e boa semana

Cakau disse...

É bom ler escritos de qualidade, que é o que não falta por aqui :) Um beijinho grande e boa semana *

H. Sousa disse...

Sempre bem vindos os poemas de Fernando Pessoa.
Abraços

lique disse...

E que dizer de Álvaro de Campos quendo fazia balanços de vida? Que é imprescindível (re)ler.
Beijinhos

batista filho disse...

Percebe-se (percebo) uma certa inquietação nas idéias dispostas nesse belo poema...
Um beijo na tua alma, amiga.

romero disse...

una sonrisa larga para ti, menina ... por tu bueno gusto ,como siempre.

Besito :)