segunda-feira, abril 06, 2009

Hoje...

Espero-te no cais da vida
símbolo de chegada e partida.
No coração um beijo doce
nas mãos a austeridade do desejo
que há muito permanece no ensejo
de uma percepção nunca perdida.



Imagem de Fernando A. Lopes



Hoje acordei com vontade de ser quem não sou.

Talvez voltar ao ventre de minha Mãe e sair de lá diferente, insensível, dura, desapaixonada, tal como aquelas pessoas para quem está sempre tudo bem, que abanam com a cabeça e dizem sim, com um sorriso apócrifo no rosto, todos os dias…


Caloroso acolhimento
nas profundezas do ser.
Lentamente, entreaberta,
a janela da vida, vive na mais
louca fantasia de todo o querer…





Imagem de John Jude Palencar


Hoje, num dia que amanheceu igual a tantos outros, olhei para lá da janela e sorri… porque sei que nunca serei capaz de sorrir como quem faz um favor a alguém, abananando a cabeça e partir indiferente a tudo; que na duplicidade do ser a minha mente não colhe pensamentos dúbios, dissimulados de toda a vivência que partilho em redor de mim e aos quais me dou de alma lavada.

Nada é irrelevante no meu querer de fogo, de verdades que doem por vezes, mas às quais o meu coração não foge, porque não consegue embarcar no logro dos sentidos e dar-se como uma folha ao vento.

Hoje acordei num dia igual a tantos outros, fiz o que faço todas as manhãs e de caneca de café na mão senti a cor do mar, que entrou no meu olhar e embarquei nele flutuando no tempo e as ondas encontraram-se comigo como quem se banha na maré vaza numa noite de lua cheia.

Sinto-me em paz comigo porque não traio a minha própria capacidade de entrega, a constância de dizer não, quando todos gostariam do falso sim, do sorriso inteligível que leva ao esquecimento fácil que corre calmamente nas veias, mas que gela o coração.

Hoje, vou continuar a ser quem sou, mulher de muitas marés, de verdades e persistências, de paixão e entrega total àquilo em que acredito porque não caio na tentação fácil do era e não era, do dizer pela boca o que o coração não sente.

Hoje, aqui e agora, renasço, igual a mim própria…




Imagem recolhida na net...

28 comentários:

aaron@iol.pt disse...

finalmente deste a costa pequena!!!!!

boa pascoa tb para ti! continuo a nao perceber patavina deste pc.nao sei dos acentos nem das maiusculas.

os teus emails tão a ser devolvidos. limpa a cx porque senão não te volto a escrever.

beijos da Cat e meus ;)))))))
antonio augusto

Bandida disse...

belo texto.


deixo-te um grande abraço!



Feliz Páscoa!

wind disse...

Continua a ser quem és:)
Boa Páscoa:)
Beijos

Graça Pires disse...

"Nada é irrelevante do meu querer de fogo". Um belo texto. Uma Feliz Páscoa, MM e um grande beijo.

aflores disse...

Hoje (e sempre) acordei com aquele sentimento de esperança que o dia de hoje não seja pior que o de ontem.
É óbvio, que nem sempre sou aquilo que gostaria de ser...faltam (ás vezes) as forças (e porque não, o querer). Mas aí...respiro fundo e vou em frente, para mais um dia nesta vida que afinal passa tão depressa...
Adorei este teu post.

Fica bem.

Tudo de bom:)

Pena disse...

Linda Amiga:
A sua sublime poesia expressa magia, doçura e encanto.
Explode em versos de ternura para qualquer pessoa que a lê.
Que "coisa" mais linda e deliciosa.
Parabéns sinceros.
Fantástico.
Beijinhos de gratidão pela sua amizade.
Com respeito e poderosa estima

pena

Adorei! É linda, sabe?

Ana Sobral disse...

Esta e a minha Menina Marota aquela por quem eu nutro a maior admiração e que o meu querido AC tanto admirava igualmente.Esta é a mulher que escreve feito alma e coração em todos os sentido e transparência que eu e tanta gente aqui aprendeu a querer e a admirar.
Um magnifico texto de uma alma pura que não sabe esconder o que sente, houvessem assim mais no mundo e ele decerto seria bem melhor!!!!
Gostei mesmo muito minha querida menina e lá onde o AC está de certeza ele também gosto!!!!
kisssssss no teu coração minha amiga ;))))))))))))) da Anita

heretico disse...

belíssiams as tuas palavras. que te definem como Mulher.

Beijo

Teresa Durães disse...

por vezes a vida troca-nos as voltas e não queremos a nossa pele

Carlos Ferreira disse...

Quantas vezes, por debaixo de palavras como estas que escreveste, se escondem tormentas, revoltas, desesperos ...
E, noutra perspectiva, quantas palavras duras, quantas frases de revolta encobrem sentimentos doces...
A vida é assim. Nem sempre o que se diz ou escreve corresponde áquilo que nos vai na alma. O íntimo de cada um é insondável mistério.

tecas disse...

Nostalgico poema... criança mulher...desejo de ser a vida diferente e não...como é.
Feliz Páscoa( embora esta época seja de reflexão)não impede de ser...doce.
Bji amigo

A.S. disse...

És uma mulher estraordinária Minha Amiga!!!
Estou a ver-te no amanhecer. Caneca do café bem quente na mão, teus olhos deslizando sobre o azul desse mar que tão bem conheces, talvez numa tentativa de encontrar respostas para realidades tantas vezes deturpadas...
A verdade é sempre mais exacta quando nasce a luz de um novo dia!

Agora... toma cuidado para que o teu saboroso café não arrefeça!

Um abraço amigo!

Helena Peixoto disse...

Simplesmente delicioso este post! Hoje acordei com vontade de rever os amigos e de me ir renovando aos poucos, mas mantendo em mim a memória...
Um grande beijinho

Feliz Páscoa cheia de amendoas e ovinhos de chocolate...eheheh!

Ana disse...

Hoje, aqui e agora, que a Páscoa seja época de renascimento feliz.
Um beijo para ti com amizade.

Manuel Seabra disse...

É um privilégio ter-te no ciclo dos nossos amigos querida marota e ainda mais por nos teres dado a oportunidade de te rever no nosso almoço anual que se realizou ontem e que espero que agora passes a cumprir o que prometeste de não faltar a mais nenhum.
Boa Páscoa extensiva aos teus filhos e familiares.
Um abração do
Manuel

Manuel Seabra disse...

É um privilégio ter-te no ciclo dos nossos amigos querida marota e ainda mais por nos teres dado a oportunidade de te rever no nosso almoço anual que se realizou ontem e que espero que agora passes a cumprir o que prometeste de não faltar a mais nenhum.
Boa Páscoa extensiva aos teus filhos e familiares.
Um abração do
Manuel

Manuel Seabra disse...

É um privilégio ter-te no ciclo dos nossos amigos querida marota e ainda mais por nos teres dado a oportunidade de te rever no nosso almoço anual que se realizou ontem e que espero que agora passes a cumprir o que prometeste de não faltar a mais nenhum.
Boa Páscoa extensiva aos teus filhos e familiares.
Um abração do
Manuel

Manuel Seabra disse...

É um privilégio ter-te no ciclo dos nossos amigos querida marota e ainda mais por nos teres dado a oportunidade de te rever no nosso almoço anual que se realizou ontem e que espero que agora passes a cumprir o que prometeste de não faltar a mais nenhum.
Boa Páscoa extensiva aos teus filhos e familiares.
Um abração do
Manuel

Manuel Seabra disse...

É um privilégio ter-te no ciclo dos nossos amigos querida marota e ainda mais por nos teres dado a oportunidade de te rever no nosso almoço anual que se realizou ontem e que espero que agora passes a cumprir o que prometeste de não faltar a mais nenhum.
Boa Páscoa extensiva aos teus filhos e familiares.
Um abração do
Manuel

Delfim Peixoto disse...

Boa Páscoa! Com Amor, Paz alguns doces e amigos e Família!

Daniel Aladiah disse...

Querida Menina
Nada que eu não esperasse de ti: verdade, mulher, força, fogo, beleza e futuro, apesar da melancolia que trespassa.
Uma Santa Páscoa
Um beijo
Daniel

Catarina Buckins das Neves disse...

Um excelente texto de verdades que não agradará a muita gente!!!!!
BEIJOCAS!!!!!!!!!!
BOA PÁSCOA||||||||||||||
Catarina Buckins

© Piedade Araújo Sol disse...

O.

que belo texto aqui nos dás a partilhar.

obrigada por seres assim...

e deixo um beij

Brancamar disse...

Olá Otília,

Gostei tanto do texto, de tudo o que li por aqui, muito na linha do "Cântico Negro" do José Régio. Uma forma diferente de dizer "Não, não vou por aí..."
Há alguns dias que quero vir por aqui, a vida e o tempo por vezes esmagam-nos, mas vamos furando sempre que possível a sua abominável pressão e aqui estou num abraço de Páscoa.
Uma Boa Páscoa para ti.
Beijinho grande.
Branca

elvira carvalho disse...

Hoje num dia igual aos outros...
a vida é feita de rotinas, em que caímos como numa teia.
Vim desejar-lhe uma Páscoa Feliz, com muita Luz e muito Amor que irradiem por todos os dias da sua vida.
Um abraço

poematar disse...

Renascer igual a si próprio é um grande e imortante programa de vida. Gostava que participasses na SURPRESA-DESAFIO que tenho no poemar-te. Falta lá a tua voz.
Boa Páscoa. Beijo

Fenix disse...

Obrigada.
Também venho desejar uma Boa Páscoa.
Cheia de saúde, amor e sorrisos.
Beijinhos
São

Trago uma pequena lembrança...
<img src="http://docs.google.com/File?id=dc6xjkpj_62529bpsvxhp_b">

Paula Raposo disse...

E claro que sim. Dizer o que se pensa é um privilégio de alguns. Eu também. Beijos.