terça-feira, janeiro 06, 2009

A coincidência das deambulações…

Para além da poesia, sou uma apaixonada por fotografia e, muitas vezes, nas minhas deambulações pela internet, descubro verdadeiras pérolas.

Gostaria de começar o ano de uma forma positiva e encantatória, iludindo, assim, as premonições do pessimismo instalado em todas as vertentes, até porque, confesso, acabei mal o ano; uma malfadada gripe que teima em não me largar (mas quem me manda a mim ser inquieta e, mal tenha um cheirinho de ânimo, salto logo para fora do ninho?) tem-me impedido de fazer aquilo que gosto: partilhar momentos, palavras e imagens.

Foi por um mero acaso que descobri a página da
Luísa Abreu, nessas tais deambulações pela net e, fiquei, revelo, presa ao sorriso e ao poema desta…

Menina Marota


Fotografia de Luisa Abreu


Menina marota, tu és a estrela mais garota
Que no espaço quer navegar,
Menina marota, tu és a palavra mais solta
Que sai sem pensar...

Os teus olhos saltam de felicidade
E dançam na alegria dos teus desejos
Uma alegoria de liberdade,
Onde são permitidos cuidados e beijos,
Estímulos, verdades e gracejos
Para que conheças um novo luar,
Para que nele nunca te esqueças de saber amar.

Menina marota, tu és o pensamento mais belo
Que um dia a tua boca pôde gritar,
Menina marota, tu és o momento singelo
De uma simplicidade de beleza ímpar...

As perguntas caem sem as segurares
Numa curiosidade natural de quem abriu a janela
Para saber contemplar outros lugares,
E como é mágica essa aurora tão bela...

Poema "Menina Marota" de Luisa Abreu
(31/10/08)

Nas ondas do sonho encantado o olhar cristalino das crianças deverão dar-nos força para continuar a lutar para que elas possam, verdadeiramente, ter um futuro melhor.

É essa a minha esperança. É esse o meu sonho…

27 comentários:

Paula Raposo disse...

É belíssimo o poema e a foto tão querida! desejo-te as melhoras e muitos beijinhos.

Carlos Ferreira disse...

É lindo o poema, sim.
E retrata, com fidelidade, o teu carácter sensível, inquieto e apaixonado que se revela com tanta expressividade naquilo que escreves.
Gostei de ler.
Por outro lado, folgo que estejas melhor da tua gripe, em termos de poderes voltar à Net, onde todos nós, teus amigos, te esperamos sempre com carinhoso interesse.
Bjinho terno.
Carlos Ferreira

Alda M. Maia disse...

Tinha o seu blogue na lista dos favoritos. Quando o interrompeu, não o quis eliminar dessa lista, pensando que retornaria.
Visitei “ Menina Marota” algumas vezes, mas sempre encontrava a página de despedida.
Hoje, percorrendo os Favoritos, tive a ideia de clicar no seu site: embora tardiamente, saúdo, com satidfação, o seu regresso!
Desejo-lhe um excelente 2009
Alda

Jorge Ferro Rosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jorge Ferro Rosa disse...

Obrigado pelo comment, faz tempo que não te via por estes lados. Olha, o que os Reis Magos trouxeram... alegria em ver-te por aqui. eh eh eh volta sempre. Bem quanto a trazer alegrias para Portugal, confesso que não vou fazer futurologia! Mas a alegria só depende das pessoas, algumas colaboram para que isso aconteça, outras nem por isso, outras adoram a desgraça, a tristeza e só estão bem a causar mal. Enfim, essa gente toda, para mim não interessam, pois que tenham o dobro disso que andam a fazer.
As melhoras e um Feliz Ano de 2009.
Uma boa noite e beijinhos.
JOrge

Jorge Ferro Rosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
mfc disse...

Todos precisamos de sonhar!
As melhoras rápidas e um grande 2009!

xistosa - (josé torres) disse...

Ninguém morre duma gripe, nem mesmo uma mulher.
Por vezes as gripes é que se sentem constrangidas e partem, sem deixarem saudades, mas na solidão dos tempos que são delas.

Uma cara "pequenina", nuns olhos tão ... tão vivazes e expressivos, quase que dispensam as palavras.
Mas estas estão lá e bem colocadas.

... o penúltimo parágrafo ... que começa:

"Nas ondas do sonho encantado o olhar cristalino das crianças deverão dar-nos forças para continuar a lutar ... pegando em armas e eliminando aqueles predadores, que se riem para as cãmaras dos parvos dos jornalistas^que lhe dão visibilidade e gozam o povo português.
Não estão lá todos e alguns, nunca serão beliscados.

Estou velho e com ideias caducas ... mas por que raio, um pedófilo, (PAULO PEDROSO), se une a uma lésbica, (agora até me esqueci o nome dela. EU LIDEI COM OS DOIS; não em POLÍTICA propriamente dita, mas sou pior que o perdigueiro português.
Sempre desconfiei daquele melro, mesmo antes de ser preso e CRIMINOSAMENTE SOLTO !!!!) para formarem um casal de ... será que dão lesmas ... então têm que ser espezinhados ...

Pobres criancinhas ...

Vão ver a justiça que vai ser feita ...

É o que desejo para 2009.
Que todos os pedófilos sejam absolvidos, e que quem inventou esta inventona, seja duramente castigado.
O Pipi ou Bibi, vai ser condenado, vai ser o único, porque conduzia mal ...

(desculpe as palavras no início.
Sou um desestabilizador.
Nunca desejei mal a ninguém que conheço, quando mais a quem não sei quem é.

AVINHE-SE, ABIFE-SE e ABAFE-SE.
Mas cuidado com o fígado.

Um bom copo dum bom Porto, uma refeição com bastante calorias e um quarto aquecido ... na manhã seguinte ... se não morreu ... está como nova.

Veja como vai ficar quando chegar á minha idade!!!

Tudo de bom para 2009!

Graça Pires disse...

Lindo o poema. Deliciosa a fotografia. Que a sua esperança e o seu sonho se realizem...
Um beijo MM.

Victor Oliveira Mateus disse...

Feliz viagem a que fez... a fotografia é uma delícia. É bom quando os olhos reflectem esperanças
que, esperamos, a vida nunca atraiçoe. O poema tem uma toada encantatória, talvez- quem sabe?- para vincar o caminho para a tal esperança...
Um abraço.

Anónimo disse...

UM LINDO POEMA DE PEDRO BARROSO PARA M.M.

Menina em teu peito sinto o tejo
E vontades marinheiras de aproar
Menina em teus lábios sinto fontes
De água doce que corre sem parar
Menina em teus olhos vejo espelhos
E em teus cabelos nuvens de encantar
E em teu corpo inteiro sinto feno
Rijo e tenro que nem sei explicar
Se houver alguém que não goste
Não gaste, deixe ficar
Que eu só por mim quero te tanto
Que não vai haver menina para sobrar
Aprendi nos 'esteiros' com soeiro
E aprendi na 'fanga' com redol
Tenho no rio grande o mundo inteiro
E sinto o mundo inteiro no teu colo
Aprendi a amar a madrugada
Que desponta em mim quando sorris
És um rio cheio de água lavada
E dás rumo à fragata que escolhi
Se houver alguém que não goste
Não gaste, deixe ficar
Que eu só por mim quero te tanto
Que não vai haver menina para sobrar


Olá

Cá estou, aliás tenho sempre estado, com beij .


A.H.

☆Fanny☆ disse...

Linda imagem... lindo poema!!! Um presente para a nossa alma!

Também eu ando com uma gripe que se colou em mim! 2 recaídas, mais morta que viva!

Estimo as tuas melhoras e que as brisas da poesia passem sempre por aqui, apesar do frio.

Beijinhos confortantes de estrelas*

Fanny

Maria Clarinda disse...

E que sonho lindo....
O poema.... a menina....
Jinhos no teu coração, e faz favor de curar bem essa gripe.
Jhs mtos

Teresa Durães disse...

linda a fotografia!

Victor disse...

Querida Menina Marota
Acompanhar as tuas deambulações é a certeza de potenciar o encantamento que já por si representa ler os teus magníficos e sentidos textos e poemas.
O Novo Ano vai ser por vontade de todos nós um ano bonito.
Beijinhos.

Mar Arável disse...

Crianças

sim

as de todo o mundo

mesmo quando atiram pedras

com um brilho nos olhos

Ana disse...

Nada acontece por acaso. Esse olhar que te cativou e as palavras que o acompanham têm , de certeza, algo a ver contigo.

Feliz ano de 2009, Menina Marota.

Eduardo P.L disse...

Menina,

é uma honra ter minhas imagens ilustrando seus textos! Obrigado pelo link do PROLÊGOMENOS! Linkarei o seu no VARAL.Volte sempre!

Bjs

Anónimo disse...

Um post de uma ternura desmedida tal como vejo a tua alma. Feliz deambulação que te levou até essa imagem e ao poema que é todo ele inteirinho para ti. E como ali em cima alguém diz nada acontece por acaso e este poema é-te dedicado completamente. Eu pelo menos dedico-o a ti porque é assim que te vejo!
Beijinhos na tua alma querida Menina
Catarina Buckins das Neves
*Catarina.neves@clix.pt*

bom ano

AnaMar (pseudónimo) disse...

O sonho comanda avida. obrigada pelos teus comentários e podes continuar a comentar-me em
http://clave-de-sol-passion.blogspot.com/
Beijossssssssssssssssssss

Hercília Fernandes disse...

Olá Menina Marota.

Gostei bastante do espaço, virei mais vezes.

Lindíssima essa postagem: poesia e fotografia em perfeita harmonia. Além da riqueza do conteúdo de sua mensagem.

Desejo-lhe um excelente 2009. Que possamos nos inspirar nas crianças e, sobretudo, nos sonhos infantis para cultivarmos a ESPERANÇA e a certeza de um mundo de AMOR e PAZ.

Agradeço-lhe a visita. Um forte abraço,

Hercília Fernandes (RN-Brasil).

José Manuel Vilhena disse...

Obrigado pela visita e pelas palavras.

mié disse...

Vim retribuir-lhe a visita que me fez.

ai ai...fico sempre inibida quando me deparo com poetas.


A fotografia é linda ou a menina é que é...naturalmente cheia de Luz.

Um beijo

Violeta disse...

A poesia é muito bonita e a fotografia também.
Bom ano, cheio de esperança!

blue disse...

um Bom Ano, Menina Marota!

e obrigada.

Sofá Amarelo disse...

Menina marota, estrela solta, dançando de felicidade no sorriso maroto... aurora mágica de beleza ímpar...

Luisa disse...

Adorei ver o meu poema e foto por aqui... obrigada pelo carinho. Sempre que queiras podes dispor do que é meu, porque afinal é de todos e é sempre melhor ser partilhado que fechado...estás à vontade e muito
, muito obrigada...já reparei k muita gente considera k tem muito a ver contigo... isso satisfaz-me;)
obrigada uma vez mais e MUITA LUZ POSITIVA!******
Se quiseres olhar com calma:

www.ladesigner.spaces.live.com
www.youtube.com/server/ladesigner64
há mais mas acho k chega por aki para te fartares;)
bjokas****************************