sexta-feira, outubro 03, 2008

Fernando Peixoto....



Tu não sabias...

Tu não sabias que eu sei quanto sabias
Tu exibias o que em ti desconhecias

Porém, tu vias, pressentias
na magia das horas mais amargas
o ponteiro dos segundos com que vias
rodarem no sentido das palavras...


E no silêncio das horas se estendia
um carinho sinuoso, entorpecente,
um meigo sorriso que escorria
num rio de ternura languescente.


Tu não sabias... nem eu... nenhum de nós
que a vida esconde os seus segredos
nos silêncios da nossa própria voz
e no código de amor dos nossos dedos.

Poema de Fernando Peixoto


Até Sempre, meu Querido Amigo...



12 comentários:

Joana disse...

Palavras bonitas...
Acompanhadas por uma sonoridade esplendida :) Muito bonita a música também.

Os amigos fazem falta não é verdade?!

Beijinho

Até já!**

Joana Moça

Anónimo disse...

Até um dia destes Professor
As saudades da
Maria

friendsforever disse...

Oi amiga!!!
Deixastes-me a chorar fofa.
Amei o texto e um dia vamos voltar a ver as pessoa que amamos.
Fofa!!!Passa pelo meu blog tens lá Selo da Capanha da amizade com carinho!!!:)
Beijos grandes e força!!!

Luis Eme disse...

bonito poema...

A.S. disse...

"NA BRUMA QUE DE LEVE SE DESFAZ
TOMARÁS FORMAS VOLÁTÉIS E SUPREMAS!
SERÁS ESTRELA, NUVEM, TANTO FAZ;
ROCHA, MAR, AREIA OU VENTO,
UM PONTO, UM ÁTOMO, UM MOMENTO!
MAS DEIXARÁS INTACTOS TEUS POEMAS"!


ATÉ SEMPRE meu querido AMIGO... tu sabes que continuarás no meio de nós!...

Albino Santos

RosaTeixeiraBastos disse...

Até sempre, sim.
Os poemas, esses ficaram.
Só partiu o que , em todos nós, é imaterial. E, contudo, fica...
RosaTeixeiraBastos

Brancamar disse...

Tantas e tão bonitas homenagens que hoje nos uniram no mesmo sentimento comum de uma perda irreparável.
Parte um grande amigo que nos deixou uma saudade imensa, mas também mais ricos por se ter cruzado nas nossas vidas.
Bem hajas por esta bonita dedicatória.
Beijinhos

Mateso disse...

Palavras de vida!

Anónimo disse...

nem da para acreditar...pois ele era a forma da força, da esperança, da luta em pessoa...
eterna saudade...




Vera Barbosa

Maria Clarinda disse...

Um beijo....tu sabes que eu estou aqui...e...sabes principalmente que ele está aí ao teu lado!
Jinhos de carinho.

Sophiamar disse...

Um momento muito doloroso que não é dizível por palavras. Todos nós sabemos que um dia uma parte de nós desaparece para sempre mas fui colhida de surpresa.Uma perda prematura,irreparável que tanto nos custa aceitar.

Bem hajas!

Beijinhos

d'Angelo disse...

"...a vida esconde os seus segredos/ nos silêncios da nossa própria voz...": sutileza difícil de calar. Delicada homenagem esta rosa adormecida em luz.