terça-feira, março 04, 2008

Dança...


Imagem Google


Na alegria do teu olhar,
descubro
um mundo de palavras
por inventar.

Sabes à seiva da terra
e trazes no corpo
doces carícias
que aquecem
meu sangue
transportando-o
para lá do sonho e
da imaginação…

Prenúncio de palavras
que dançam entre nós…

24 comentários:

Isabel-F. disse...

que MARAVILHA ...


o poema e a imagem que o ilustra ...


beijinhos

© Piedade Araújo Sol disse...

MM

Belo poema de sentires e sonhos.

beij

wind disse...

Belo poema:)
Beijos

Fernando Peixoto disse...

O difícil, para quem escreve, sobretudo poesia, é ser capaz de sintetizar em poucas palavras sentimentos e sensações de enorme dimensão.
Isso está patente neste poema.
GOSTEI.
Fernando Peixoto

Peter disse...

Ler umas palavras agradáveis é um consolo para um dia frustrante.

P.S. - No meu link coloquei este teu blog em substituição do que lá estava. Para ir variando.

Que tenhas uma boa noite.

Oliver Pickwick disse...

Só a rara inspiração é capaz de conceber a dança das palavras.
Beijos, e dias felizes!

JN disse...

Gosto de te ler assim, nessa forma tão expressiva que é saborear a tua poesia. Tinha saudades de te ler Menina Marota! Tens a poesia dentro de ti e é assim que gosto de ler as tuas páginas, nessa dança de sentimentos que me fazem bem.
Cpmtos do
J.N.

Maria, disse...

Gostei de cá vir, bela música!...
Obrigada
Maria

Graça Pires disse...

A dança das palavras e da imaginação. Um beijo Menina.

Anónimo disse...

Que bela dança! Toda música que migra de um alegre olhar, trás o afago e leva aos sonhos. Levo comigo esta música maravilhosa e o encanto das tuas palavras. Beijinhos
Anne
http://www.anne_voce.blogger.com.br

Pink disse...

Dá vontade de dançar uma dança assim ...

Beijo pink :-)

Meg disse...

Cantan los poetas...

Belo poema, mais um belo poema.

Vir aqui é sempre um prazer!

Um abraço

Luis Eme disse...

Bonita a dança de palavras...

abraço Menina Marota

impulsos disse...

Um não sei quê que paira no ar...
Uma espécie de encantamento que nos suga...
Uma dança de olhares, que escusam palavras...

Gostei desta tua dança de sentimentos.

Beijo

cõllybry disse...

Bailam as palavras em doce poema...

Estou de volta...

Bjca doce

peciscas disse...

Aqui as palavras dançam suave e ritmadamente.

herético disse...

poema muito inspirado. pleno de palavras belas. e quentes...

beijos

Lumife disse...

"Eu digo-te um até já, porque sei que vais reconsiderar, como eu já reconsiderei tantas vezes e, um dia destes, estás de volta." ... tinhas razão, sentia falta dos amigos/as e voltei.

Beijos

Raquel V. disse...

Fiquei a ouvir a música... as palavras ganham vida tantas vezes na sonoridade escolhida...
Vim por outras razões mas por aqui me vou silenciosa a pensar no muito que a blogosfera me deu e espero que ainda venha a dar.
Sonhos... porque preciso de sonhar de novo... sonhar como tens capacidade de sonhar. Encontrar um caminho e percorrê-lo... ladeado de árvores que me protejam...
Nunca me esqueço que um dia quiseste desistir mas o futuro provou que vales mais aqui que escondida no silêncio.
Beijos

Maria Clarinda disse...

Vim deliciar-me no teu blog , e ao mesmo tempo dar-te aquele super beijo de Bom Fim de Semana.

SLopes disse...

Belas palavras...bom fim de semana :)

Bjs

maresia_mar disse...

olá
linda dança de palavras, sentires e musica.. adorei... Bjhs e bom fds

SILÊNCIO CULPADO disse...

Lindo poema e linda imagem. Um post excelente.

Porém,

"Entre o luar e a folhagem,

Entre o sossego e o arvoredo,

Entre o ser noite e haver aragem

Passa um segredo

Segue-o minha alma na passagem."

Fernando Pessoa

José M. Barbosa disse...

Um espanto de inteligência e bom gosto. Para além de oportuno.
Inesperado.
Z.