quarta-feira, agosto 29, 2007

Ternura...(11)


Imagem de Vladimir Volegov

Pode ser um nó
Ou uma asa vermelha
Uma laçada
Pode ser um instante
Um décimo ou ainda menos
Uma parte do tempo
Pouco tempo

Embrulhado com nó
Laçada frouxa

Esverdeada ou vermelha
Qualquer que seja a cor
Com mar ao fundo
Ou penedias e neve
É nossa a Vida

Aproveitemos

Parabéns

Fátima (Seilá do Repensando)


Dedicatória da TMara


Um agradecimento especial a Heloisa B.P, João Batista do Lago, Júlia Moura Lopes e Mhário Lincoln pelas palavras carinhosas que me endereçaram nas suas páginas.

Terminam aqui as dedicatórias da surpresa que os meus filhos prepararam, para o meu aniversário
Consiste a surpresa em dois livros encadernados a pele preta de formato A4, sendo que na primeira parte do primeiro livro, constam todas as imagens e as dedicatórias que vos apresentei.
Na segunda parte, que se inicia com uma fotografia onde estou sentada numa rocha, tendo como fundo o mar, constam a maioria dos meus poemas e textos publicados no conjunto dos meus três blogues.
O segundo livro, que se inicia com uma fotografia onde estou a sair do mar, as páginas estão em branco destacando-se, no topo de cada página a frase Eternamente Menina e no rodapé, Memórias Minhas… que se destinam a incentivar-me a continuar a escrever…

26 comentários:

carla mar disse...

hoje, vim ler-te...
são, tantas as noites, que me perco por aqui!
obrigada, pela partilha, querida MM.
parto encantada!
deixo-te um abraço carinhoso :)

Anónimo disse...

Duas grandes senhoras da escrita juntas, a Marota e a Seilá!!
DL

directriz disse...

a esta hora soube a "ternura" e a imagem. obrigado.

Dona Baratinha disse...

cheguei atrasada...Feliz aniversário amiga, e mais uma vez tocou fundo meu coração eu já cantei muuuuuito essa música e ainda canto...
bjossssssss

Anónimo disse...

O que eu tenho perdido - antes de mais dou os meus parabéns à aniversariante - depois quero ver as fotos que constam do livro que refere ou não temos esse direito?
Foi belo partilhar estes momentos especialmente ao som desta saborosa música, que confesso, dancei já algumas vezes.
São estes sentimentos e ternuras que fazem valer a pena estar no mundo virtual.
Beijinhos
do
Z.

In Loko disse...

Outra bonita mensagem de Ternura... O teu livro Menina, se fosse possível espremê-lo... brotariam pingos de sorrisos inesquecíveis, lágrimas de amor e ternura, e palavras de letras sentidas para te agradecer... e felicitar!

Abraço grande!...

Camiseta Personalizada disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Se você quiser linkar meu blog no seu eu ficaria agradecido, até mais e sucesso.(If you speak English can see the version in English of the Camiseta Personalizada.If he will be possible add my blog in your blogroll I thankful, bye friend).

Paula Raposo disse...

Foi um prazer percorrer todas estas ternuras. Beijos.

Luis Eme disse...

Um lindo presente, merecido...

Lumife disse...

Parece que mais uma vez estou em falta no dia dos parabéns mas sou um desorganizado...

Para compensar tal falta tens uma "ternura" no "Beja"...

Beijinhos

eremita disse...

tanta ternura derramada em suvas pingos de amena chuva se derramaram sobre esta Flor que aqui cultiva amor.
Fraterno abraço

eremita disse...

só tenbho que lhe agradecer a gentileza de me haver linkado. Fraterno abraço

Anónimo disse...

Mais uma maravilhosa partilha que aqui fazes dando-nos a conhecer gente que através das suas palavras nos tocam o coração. E deixam de ser um quadrado onde vemos o seu nome inscrito para serem gente de alma e sensibilides, tornando-se tão real aos nossos olhos!!
Há muito que acompanho muitos blogues, mas este sempre teve um significado muito especial para mim, desde que li um texto sobre bombeiros que aqui colocaste.
O meu Pai foi bombeiro e morreu em serviço. Ler aqui aquele texto tornou-me teu fã incondicional apesar de raramente te comentar uma vez que não estou registado.
Hoje deixo aqui o meu abraço amigável juntando-me a todos aqueles que te querem bem.
Beijinhos do Antero

Teresa David disse...

~Corri e ainda apanhei o comboio do aniversário, pelo que deixo aqui um abraço de parabéns e desejos de tudo de bom dentro do que mais desejares.
Muito bonitas as dedicatórias que aqui estão, mas mereces!
Bjs
TD

C Valente disse...

Lindo poema, lindo presente
ser� que faz anos a 29 de agosto?
atrasados mas aqui vai os meus votos de muita felicidade
Sauda�es amigas

SILÊNCIO CULPADO disse...

Também te deixo os meus parabéns não apenas pelo aniversário mas porque a data foi vivida inteira.

Odele Souza disse...

Adorei a foto que ilustra este post. O poema também é lindo. Ah! mas que surpresa tão boa esta de seus filhos. Uma lembrança para sempre...
Um beijo.

Tiago R Cardoso disse...

Excelentes e merecidas dedicatórias.

Sophiamar disse...

O teu blogue é feito de ternura. Por isso sabe tão bem passar por aqui. Que sejas, pois, eternamente menina e que continues com toda essa doçura a deliciar quem por aqui passa.As imagens do teu blogue acompanham na perfeição as palavras. Excepcionais!
Beijinhos

Manuelinho disse...

Tu mereces pela ternura, pelo que tens feito em prol da divulgação de novos autores.
Beijinhos, O.

Terra & Sal disse...

Cada vez concordo mais que a beleza das pessoas está no seu interior…
Sentes-te feliz, continuas feliz, sentes em ti a maior beleza do mundo que te é oferecida por emoções únicas.
A felicidade de cada um de nós aparece sem sabermos bem como.
É sem dúvida uma questão emocional, e o amor é isso também, uma forte emoção.
Mas essas emoções não funcionam à sorte, não é um jogo do acaso. Para acontecer têm de ter um campo pródigo e só um coração sensível, receptivo e cheio de amor permite que aconteçam.
E um coração cheio de amor antes de receber, deu muito, e deu sem pensar, sem contabilizar, porque quando temos muito amor dentro de nós, ele é imenso, é infindável, e podemos distribuir toda a vida que continuamos cheio dele.
Fico feliz por ti, pelos teus filhos, por aqueles que amas e te amam, e como diz António Damásio a nossa existência não está no que pensamos, mas no que sentimos.
Que o teu coração continue a brotar essa felicidade de amor, o amor pelos teus e pelos outros, para que assim todos nós, o mundo, sejam mais felizes.
Um beijinho grande para ti.
Muitos parabéns pelo aniversário e pelas prendas que recebeste e que afinal, como sempre, indiscriminadamente e se calhar sem reparares, estás a distribuir por todos nós.
O amor é isso, dar sem pensar!

helena disse...

Minha querida
Só uma palavrinha, aliás, umas palavrinhas:
Espero ansiosa que esse "livro em branco" se vá enchendo das tuas doces palavras, da tua beleza interior, dos teus sentires.
Um beijinho amigo
nucha

Amita disse...

E que se cumpra o que todos desejamos (incluindo a tua linda Família) que continues a escrever.
Tantas belas "Ternuras" e muitas outras mais aguardarão as tuas palavras.
Um bjinho

JuliaML disse...

eseero fazer parte do tal livro em branco, já que não pude colaborar no outro...mas sei, amiga que já meincluiste no teu coração.

beijo e bem querer meu

TMara disse...

bjs amiga

Zeca disse...

Pois é, estão abertas as votações para o melhor blog Português
Passa por lá e vê
Fica bem