quarta-feira, julho 18, 2007

Gatos...


Imagem de autor desconhecido


Desde que me conheço sempre convivi com animais. Em casa de meus Pais e meus Avós, existiram uma variedade deles, que ia desde a minha égua "Castanha", até aos mais domésticos deles, ou seja uma colónia de gatos e cães. Com o decorrer dos anos, foram desaparecendo alguns, causando aquela saudade que cada um provoca, quando desaparecem das nossas vidas.
O cavalo e o cão, são realmente os meus animais de eleição, mas tenho com os gatos, uma afinidade enorme. Gosto da subtileza do seu comportamento, da independência do seu carácter e da meiguice, com que por vezes nos distinguem, preferindo-os, confesso, a muito ser humano que conheço.
O Tareco foi o meu último gato. De uma meiguice absoluta, tinha uma mania: pensava que era pombo e que voava!
A primeira vez que "voou" aqui de casa, foi o fiel Sting que o encontrou, nas buscas desesperadas que fizemos para o descobrir. Magro, sujo, esfomeado, ligeiramente ferido, foi um encontro comovente, quando o Sting o descobriu, num terreno abandonado e chamou por ele.
Restabelecido, quando todos pensámos que ele não voltaria a fazer a mesma proeza e que tinha aprendido a lição, eis senão, com a volta das pombas, ele volta a desaparecer.
Pois é… voltou a ter aquela vontade louca de "voar", se tivermos em conta, que ele passeava pelos telhados do duplex onde moro num terceiro andar, o que quer dizer, que ele se atirou nem mais nem menos, do que de um quarto andar…e não apareceu mais. Já lá vai mais de um ano…
Vêem a propósito, estas singelas palavras sobre o Tareco, porque descobri o
Queridos Gatos, um blogue dedicado totalmente a estes felinos… e que me deram a enorme satisfação de lá postarem o Tareco com o seu lindo olhar azul… Obrigada.



Imagem Queridos Gatos


Os Gatos

Os férvidos amantes e os austeros sábios
Na idade madura, ambos sabem amar
Os gatos fortes, meigos, orgulho do lar,
Que, tal como eles, são friorentos, sedentários.

Amigos da volúpia e também da ciência,
Procuram o horror das trevas, o silêncio;
E tê-los-ia o Érebo por corcéis fúnebres
Se um dia à servidão dobrassem o orgulho.

Adoptam ao sonhar as nobres atitudes
Das esfinges deitadas nos confins do mundo,
Parecendo adormecer no seu sonho sem fim;

Há mágicas centelhas nos seus rins fecundos
E alguns farrapos de oiro, alguma areia fina,
Estrelando vagamente as místicas pupilas.

(Poema de Charles Baudelaire in
"Assinar a Pele", Assírio & Alvim, pág.15)

37 comentários:

maresia_mar disse...

Olá amiga,
que giro, eu também sempre convivi e tive animais, aliás nunca me lembro de não ter nenhum em casa.. eles dão-nos tantas alegrias que é impossível não gostar deles.. este teu post está muito bom, no seu conjunto... Um resto de boa semana.. bjhs

Brisa Suave disse...

Oi, td bem? Adorei seus textos, mas não deu tempo de ler td... favoritei eles.Passa por lá qdo puder.abraço

José Gomes disse...

Era uma doçura de gato.
O teu artigo fez com que uma lágrima marota me toldasse o olhar... talvez porque revejo na tua afeição ao "Tareco" aquilo que sentimos com o Kique.
Um abraço,
José Gomes

alma disse...

Gatos! hummmm, gatos são os animais que bastante gosto. Sinto-lhes algo de místico, algo que me ultrapassa... Gosto do espaço.

Abraço da Alma

De Amor e de Terra disse...

Olá minha querida Menina tão Marota!
Que lindo este teu texto sobre os gatos!!!
Eu também prefiro os Cães(grandes) e os Cavalos, mas AMO todos, incluindo os gatos e por aí fora...
A minha Gata, é a Missanga, que pela corpolência não faz jus ao nome, mas já fez, quando a trouxe para casa.
As cadelas (duas) a BáBá (uma pastora catalã preta) e a Luna (uma husky, branca e cinza, com um olho castanho e outro azul) são a minha companhia perfeita e permanente...e somos 4 fêmeas em casa, numa convivência perfeita.
Beijos carinhosos Amiga.

Maria Mamede

Nero disse...

Um animal sábio.

Nilson Barcelli disse...

Não gosto de gatos, mas a minha infância foi passada no meio deles.
No período do cio das gatas, não há nada que segure os machos, nem mesmo um 4º andar.
Mas o poema é bonito. Foi bem escolhido.
Beijinhos.

Anónimo disse...

Gosto muito de gatos tenho pena ser alérgica a pelos de animais.
Muito linda a historia.
Beijão da Bea

José M. Barbosa disse...

Não me canso de ler isto.

Z.

Paula Raposo disse...

Gostei das tuas palavras e do belíssimo poema que escolheste! Eu não gosto de gatos. Beijos.

sofialisboa disse...

Olá menina marora, venho aqui sempre que posso, mas como o tempo é curto não consigo ler tudo, por isso não comento, não vá dizer disparate. Depois tenho um defeito, não gosto de gatos, sorry. entrei em nova fase, espero que gostes és bem vinda. bjs sofialisboa

Leo disse...

Olá sou a Leo.Desculpa não te visitar mas tenho tido muito pouco tempo para visitar outros blogues.
Adoro animais, mas o meu preferencial é o cão.Tenho um abandonado e atropelado, que salvei já lá vão 6 anos.
Por email vai segui a foto dele.Juntamente a foto de um gato do meu vizinho.
beijocas e até ao proximo jantar
Leo

Sei que existes disse...

Adoro gatos e a sua personalidade (e de muitos outros animais também!)!
Compreendo a teu sofrimento...
Beijos

APC disse...

Uma Meiguice...

E vinha eu ainda embalada, de uns minutos passados na esplanada do café da vizinhança com a irresistível Lady dormindo confortável no meu colo (uma Pincher deliciosamente terna), quando encontro este teu texto!

... O mistério dos felinos, na sua condição de solitários prescrutadores de algo mais...
Na sua secreta atitude de esfinge dos confins do mundo, como diz o poema... Lindíssimo!

Aqui te deixo a minha estima num abraço! :-)

APC disse...

PS - Sobre a minha Cleo, falei um dia, nos primórdios do meu blog (e sim, doi muito, a perda; nunca se esquece).

Sulista disse...

ehehhehehe...vê-se mesmo que foste criada no campo. Que bom :-)

Ná confio em gatinhos, só em cães. Adoro cães :-) Mas a tua foto é linda ;-)

BjOca de bom fim-de-semana***

Inês Ramos disse...

Obrigada, Menina Marota!
:-)

♥≈Nღdir≈♥ disse...

vai ver o meu em www.blogdopipoca.blogspot.com, encontras pelo menos uns 5 posts do meu no blogue do meu filhote.

., . - . - , _ , .
.) ` - . .> ' `(
/ . . . .`\ . . \ Ofereço uma rosa
|. . . . . |. . .|
. \ . . . ./ . ./
.. `=(\ /.=` toda perfumada
.... `-;`.-'
......`)( ... , para aromatizar
....... || _.-'|
........|| \_,/o teu Fim de Semana...
........|| .*´¨)
¸.•´¸.•*... ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•` *
*´¨) мιℓ вєιנoѕ♥*♥
¸.•´¸.•*... ¸.•*¨)
(¸.•´ (¸.•` **♥*♥

José M. Barbosa disse...

...
ser mais ser que o que somos,
só crendo em mais
crer no teu, meu,
o só olhar

querer andar
num só olhar
mar dentro

até encontrar
a horizontal onde se cruza o luar

na vertical

exactamente ao centro.

Sandokan disse...

Gosto dos gatos. Quando era pequeno a minha vizinha tinha um gato super esoerto que se chamava PINDUCA. Um dia reparei, da janela da minha cozinha, o "assalto felino e o ataque do PINDICUCA a uma pomba. O PINDUCA, suave, suavemente, ía avançando e, de repente... zás. Adeus pomba!
Teve um gato, mais tarde, amarelinho, que se chamava SAGAL, em homenagem ao Cabo DElgado e a Moçambique, à CURVA DA MORTE. Era um gato espectacular, um grande caçador de ratos e de ratas.

Hoje, lembro-me com carinho desses gatos e sei que o centro na natureza humana enraíza-se em dezmilhares de simples actos de bondade que definem os nossos dias.

SANDOKAN

http://lusoprosecontras.blogspot.com

SEMPRE A CONSIDERAR-TE!

Ivo disse...

Your blog is very interesting!

Please, send me the photo of a your t-shirt or a your clock / watch and the link of your blog,
I' ll publish in my blog!
Thanks Ivo
EMAIL:
ivo.giulivo@gmail.com

Mlee disse...

Olá menina marota, daqui fala menina bem comportada, que por sinal tem também adoração por gatos e uma série on blog chamada "the love cats"!
Ele há coincidências ...

butterfly disse...

Tal como prometido,cá estou de novo! com uma cara renovada!!
Passei para deixar um beijinho!!

José M. Barbosa disse...

A fotografia é um espanto, a imagem melhor ainda.

Z.

pluto disse...

Bom Domingo!
Adoro gatos!
O blog ainda está no princípio, mas o nosso perfil está no fim do 1ºpost.
Beijinhos

pb disse...

Os gatos, os que tive deixaram saudades, um particularmente que andava a vadiar o dia todo mas há hora a que chegávamos a casa, lá estava ele empoleirado encima do pilar do portão, não falhava nunca !! beijinho e boa semana

pita-cega disse...

Não sendo os gatos os meus animais preferidos, sempre os considero melhores que o ser humano. Tenho um cão filho de uma cadela abandonada e que adoptei aos três meses. Foi a companhia mais sincera que encontrei até hoje e tenho a certeza que nunca me trairia. Não há qualquer maldade nos animais. Agem por puro instinto e não engendram maneiras de ludibriar o próximo. Pode até ser um "chavão" mas não resisto a dizer que quanto mais conheço os homens, mais gosto dos animais. E das mulheres também (Eh! Eh! Eh!).

Adriana disse...

Olá!
Adoro gatos. Agora tenho 4 gatos com 2 meses que fazem as nossas alegrias lá em casa.
Muito bonita a mensagem

poca disse...

descobri os gatos há pouco tempo.. durante muito tempo, os cães estavam no meu topo de preferências..
acho que é mesmo preciso "ter" um para os admirar..

o meu xavier também já voou uma vez.. do segundo andar.. mas voltou passadas duas semanas.. até agora.. tem-se mantido por cá.

beijinhos

Anónimo disse...

ADOROOOOOOOOOO GATOS!!! LINDOOOOO ESTE TEXTO!!!!!! ADOREIIIIII A FOTO
KISSSSSSSS DA JOANINHA

Mid! disse...

pois é como sempre dia o poema de Leila Miccolis: "Ter nas pessoas a confiança dos gatos, que fecham os olhos e esticam o pescoço, na certeza do carinho."
é isso ai!!!
viva os nossos animais! ;*

A Lojinha Virtual da Associação Agir pelos Animais disse...

Bonito texto sobre o gato :)
www.lojinhavirtualassociacaoagir.blogspot.com (para quem quiser e puder ajudar os gatinhos abandonados). Obrigada, joana

Anónimo disse...

Me manda a foto do bebe com o gatinho eu tenho 4 gatinhos aki em casa ..te mando a foto deles tbm beijos! grata..
Mari
ieshuaeim@hotmail.com

Anónimo disse...

Olá estou organizando um projeto educativo, essa foto seria muito utíl para demostrar o carinho...aguardo se possível o envio desede agradecida.
sosquatropatasecia@gmail.com

Samuel disse...

Olá, gostaria de te convidar para participar de uma rede de conteúdo para blogueiros.

Chama Ocasional, se você tiver interessa veja como funciona a rede aqui em www.ocasional.com.br/howto.aspx ou então pode enviar um email no smatosjr@gmail.com

Abs,
Samuel

Anónimo disse...

Muito bom na verdade eu provavelmente vou fazer o download. Graças

Anónimo disse...

Simples e doce. Estou pensando em começar um blog ou cinco muito em breve, e eu definitivamente vou considerar este tema. Mantenha-os próximos!