sábado, março 03, 2007

Apelo...

Junto-me aos que procuram o CHIP, a ÍSIS e a NUT pertencentes a Teresa Durães do Blogue Voando por aí


Chip


Nut


Isis


Desapareceram segunda-feira (19 de Fevereiro) passada entre as 17h30/18 e as 19hH00 do Montijo, um Cocker Spaniel dourado (2 anos), Pastora Belga Malinois (2 anos), Pastora Alemã arraçada de Husky.

Tanto a pastora belga como a arraçada pastora alemã têm chip. O canil do Montijo já foi contactado.

A quem os encontrar ou souber do seu paradeiro, por favor contactar a
Teresa Durães que se encontra profundamente triste com este desaparecimento.

GRATA pela ajuda que possam prestar.

31 comentários:

Teresa Durães disse...

Obrigada pela divulgação. Bastante. Tem sido desesperante. As buscas não acabaram mas o tempo passa e nada. :(((((

A queixa está na GNR mas tenho, sobretudo, muitas saudades deles os três. Todos ao mesmo tempo.

O Cocker era um cão abandonado e as cadelas fui buscá-las a um abrigo. Não merecem a sorte de estarem de novo os três por aí sabe-se lá onde.

Enfim :((

Obrigada de novo

Boa noite

Sulista disse...

É uma coisa triste...mas há que manter a esperança!



Beijinho de bom fim de semana Amiga!

Anónimo disse...

Por aqui estarei atenta e direi aos Amigos!
Votos de que apareçam rápido.

Beijos

Maria Mamede

Mafalda Freire disse...

Já está a ser divulgado num dos meus blogs: www.adopcaodosanimais.blogs.sapo.pt

confissoesdeumasurda.blogs.sapo.pt

Conceição Bernardino disse...

Olá,

Melhores flores

As melhores flores e
Cores espalhadas em
Manchas
Largas de caminhos
Pisoteados marcados por
Anónimos passos

Poema do livro “Múltiplos de ti” da autora Marita Ferreira

É esta a flor que vos ofereço...
Bom fim-de-semana
Beijinhos Conceição Bernardino
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Ana disse...

Percebo a tristeza e a falta sentidas. Os animais são, por vezes, aqueles que melhor nos acompanham. Que apareçam em breve.
Para ti, um beijo pelo gesto de solidariedade.

R.J disse...

Atraves do nosso bem estar conseguimos alcançar todos os nossos sonhos, as nossas metas, os nossos desejos...
Através do nosso bem estar conseguimos ser melhores e ajudar os que nos rodeiam...
Tudo começa no nosso interior...
E porque o nosso bem estar é importante para nós e para a nossa felicidade, pode contar comigo para ajudar
http://saudetransformacao.blogspot.com/
Obrigada por este minuto de atenção...

bom dia isabel disse...

Espero que os cães da Teresa sejam encontrados. Imagino a sua tristeza. Tenho um cá em casa, companhia indispensável. Fidelidade até à morte.
Beijinhos

Barão da Tróia II disse...

Eu espero que encontrem os canitos, mas não querendo ser agoirento sempre vou dizendo que existe um mercado para esse tipo de raças, com talvez a excepção do Cocker, a maioria acaba nas lutas de cães clandestinas, onde invariavelmente morrem e essa zona do Montijo é muito activa nesse tipo de coisas estúpidas.
Espero que tudo corra pelo melhor, boa semana.

Anónimo disse...

sensibilizado por este apelo espero que eles aparecem o mais rápido possível, a Shana é a minha cadela Cocker com 10 anos e que me foi oferecida quando fui para a preparatória, adoro-a como se fosse a irmã que não tenho. Ela gosta tanto de mim que quando estou doente nem sai da minha beira, nem come, nem bebe água. Era terrivel se a perdesse!!!!
Vou pedir a Deus que os faça estar bem e serem encontrados o mais rápido possível até porque devem estar a sofrer muito por estarem fora dos donos.
Beijinhos e boa sorte.
Rakel

TINTA PERMANENTE disse...

Há sempre uma beleza funda na fraternidade!...
Afectuosamente

António Melenas disse...

Tadinhos, bonitos e bem Bem tratados como, obviamente devem estar, dificilmente vão ser devolvidos.

A propósito de cães: Ainda não leste a minha "Diana".? Então não percas, pois se há alguém que vai gostar, és tu, que sei que gostas de cães.
Beijo

Anónimo disse...

já apareceram? Beijos para a dona.Espero que aparecam.annie hall

Isabel Magalhães disse...

A esperança continua.

Obrigada por te juntares aos que não desistem de encontrar os cães da Teresa.

Beijinho.
I.

Espectro #999 disse...

Passei para te deixar um beijo.
Pensavas que me tinha esquecido ?

Pepe Luigi disse...

A partir de agora sempre que vir cães como estes, mesmo que tenham "donos" eu vou berrar pelos seus nomes: Chip; Nut; Isis.
Gostaria de dar uma alegria a Teresa Durães, pois um animal torna-se parte da nossa família!

Vou voltar ao teu melodioso fundo musical: Como se chama esta obra e por quem é tocado?
Só pela música vale a pena visitar o teu espaço.

Um beijinho
do Pepe.

pb disse...

É uma dor de alma quando acontece isto...vou andar atento aqui na minha zona, bjs

Ana Raquel disse...

Como me doeu a alma!! Como é possível desaparecerem assim os 3 aos mesmo tempo?? Vou rezar nas minhas orações para que apareçam todos bem; é pena estar tão longe senão ajudava a procurar.
Bjokas fofas

equipa 6minutos.com disse...

Olá Menina Marota,

Espero que esse lindos apareçam rápido!

Mas estou aqui para te anunciar um projecto:

Somos um conjunto de bloggers independentes e criamos um blogue único: 6minutos.com, que, divido por secções, aborda variados temas: Notícias, Artes e Letras, Internet, Tecnologia, Automóveis, Viagens...

Esperamos por ti!

Até já!

Teresa Durães disse...

Bom dia,

O que diz o Barão de Troia é verdade. Sabem todas as pessoas do Montijo excepto a GNR. Só de pensar no assunto fico agoniada. Informaram-me que o montante de aposta é de 5000 euros e essa gente é perigosa. Tudo boas famílias e cheias de dinheiro. Gente de influência.

Estou farta de os procurar e tão pouco sei como desapareceram. Informaram-me também que num bairro perto de mim existem lutas mas não sei o local.

Ninguém viu nada, nunca ninguem vê. Foi na segunda-feira de carnaval.

E eu onde vivo conheço os cães todos apesar de estar lá pouco tempo devido ao trabalho (é um local onde predomina gente da terceira idade).

Para avaliar a hipocrisia, o canil do Montijo diz que não mata os cães mas é mentira. Informação da população e da associação de Alcochete.

Enfim. São muitas as histórias.

Mantenho a esperança, claro. Muita a tristeza

Bom dia

Fernando Rozano disse...

Daqui, meu desejo que sejam encontrados o quanto antes. Estou de volta, e te agradeço por tudo. Beijos e obrigado por tua sensibilidade ser sempre um alento.

sofialisboa disse...

vivo em lisboa, por isso duvido que os veja, só acho incrivel perder 3 cães... quanto ás lutas, já ouvi que em cascais muitos cães desaparecem e que se acredita que existem lutas de cães e que se servem de cães roubados para treinar os cães de luta!Só não percebo como ninguém sabe de nada nem denuncia estas coisas! espero do fundo do meu coração que eles apareçam são e salvos! força sofialisboa

pitanga disse...

Menina Marota, onde andas?

beijos

aaron disse...

Como fiquei triste agora!!! Espero que eles apareçam com toda a minha sinceridade
Bjo.te
aaron

Adryka disse...

Olá amiga, nem quero pensar no que a tua amiga deve estar a passar com a falta dos animais .Eu também os tenho e que medo me faz que algum desapareça. Beijinhos para ti

Pepe Luigi disse...

Hoje passei por aqui para ouvir o explêndido fundo musical do teu espaço.
Dá-me muita tranquilidade.
Desculpa-me servir do que é teu, mas parece que o meu stress se vai dissipando!
Belo, belíssimo!

Aproveito para dar um beijinho de coragem à Teresa. Que não desanime!

Para ti também um beijinho
do Pepe.

Rafael Velasquez disse...

é pessimo quando isso acontece, espero que voltem logo.

TINTA PERMANENTE disse...

E novas?...
Abraços

agua_quente disse...

É necessário ter esperança de os encontrar.
Vim, nesta comemoração dos 2 anos do Gato na Paisagem agradecer a tua presença assídua e amiga!
Beijos

belinha disse...

Como é que 3 cães somem ao mesmo tempo?Terão sido roubados?Espero que apareçam rápido.

Teresa Durães disse...

os dois últimos telefonemas apontavam para dois sítios completamente diferentes:

- Recta do Cabo (Companhia das Lezírias N118)- avistado cão/cadela parecida com a pastora belga acompanhado de outros cães no dia 6 de Março

- Celorico de Bastos (Guarda) Hoje, 13 de Março, cadela com coleira vermelha idêntica a pastora belga, orelha levantada outra não.