domingo, maio 07, 2006

Só por isso, Mãe...

 
 
Neste Dia... a todas as Mães...

Gustav Klimt

 
Mesmo que a noite esteja escura,
Ou por isso,
Quero acender a minha estrela.
Mesmo que o mar esteja morto,
Ou por isso,
Quero enfunar a minha vela.
Mesmo que a vida esteja nua,
Ou por isso,
Quero vestir-lhe o meu poema.
Só porque tu existes,
Vale a pena!

(Frei Lopes Morgado in Mulher Mãe)

13 comentários:

Passeando no Parque disse...

{Minha mãe, minha mãe, eu tenho medo
Tenho medo da vida, minha mãe.
Canta a doce cantiga que cantavas
Quando eu corria doido ao teu regaço
Com medo dos fantasmas do telhado.
Nina o meu sono cheio de inquietude
Batendo de levinho no meu braço
Que estou com muito medo, minha mãe.
Repousa a luz amiga dos teus olhos
Nos meus olhos sem luz e sem repouso
Dize à dor que me espera eternamente
Para ir embora. Expulsa a angústia imensa
Do meu ser que não quer e que não pode
Dá-me um beijo na fonte dolorida
Que ela arde de febre, minha mãe.

Aninha-me em teu colo como outrora
Dize-me bem baixo assim: — Filho, não temas
Dorme em sossego, que tua mãe não dorme.
Dorme. Os que de há muito te esperavam
Cansados já se foram para longe.
Perto de ti está tua mãezinha
Teu irmão. que o estudo adormeceu
Tuas irmãs pisando de levinho
Para não despertar o sono teu.
Dorme, meu filho, dorme no meu peito
Sonha a felicidade. Velo eu

Minha mãe, minha mãe, eu tenho medo
Me apavora a renúncia. Dize que eu fique
Afugenta este espaço que me prende
Afugenta o infinito que me chama
Que eu estou com muito medo, minha mãe.}

Poesia de Vinicius de Moraes

Beijoca pra ti.

Santa disse...

Menina Marota,
Quanta sensibilidade! Lindo post!!!
Beijos aqui do Brasil.

wind disse...

Bonito. beijos

Manel do Montado disse...

Mãe...é o mundo!

Era uma vez um Girassol disse...

Poema lindíssimo, neste dia especial.
Aqui de longe, beijinho!!!

miosotis disse...

Vim agradecer mt sensibilizada teu olhar em meu espaço de alguns sentires!

As palavras são sp coisa pouca para falar de "Mãe"... mas o poema q publicaste é lindo e mt doce!

Abraço carinhoso

canela_e_jasmim disse...

Um beijo para todas as mães!

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Que lindo post! :)
Beijos e boa semana

Belzebu disse...

Um lindo poema,num dia dedicado ao melhor que há no mundo!

Parabéns marota e parabéns a todas as mães!

Fénix disse...

Menina marota, não tens que pedir desculpa, quando me meti nestas lides bloguistas eu sabia que por muito que eu não quisesse as pessoas acabariam por ler, mas eu nesta altura não me importo, tenho uma certeza é que dificilmente deixarei estas lides, como tu dizes lava me a alma, pelo menos no imediato...

beijinho e um até já

Bia disse...

Olá. Lindo poema. Fiquei mto contente por saber q a tua amiga poderá acolher um animal abandonado. Brevemente entrarei em contacto com ela.Obrigada. Bjs

daviddenton45804642 disse...

Get any Desired College Degree, In less then 2 weeks.

Call this number now 24 hours a day 7 days a week (413) 208-3069

Get these Degrees NOW!!!

"BA", "BSc", "MA", "MSc", "MBA", "PHD",

Get everything within 2 weeks.
100% verifiable, this is a real deal

Act now you owe it to your future.

(413) 208-3069 call now 24 hours a day, 7 days a week.

Rosangela Aliberti disse...

Olá Menina Marota, agradeço a visita, seu espaço está muito bem elaborado, estou apreciando os poemas que registrou por aqui:
_________

Nasci subversivo.
A começar por mim - meu principal motivo
de insatisfação.
(Miguel Torga - Orfeu Rebelde)

_________

John Donne


"...Nenhum homem é uma ilha, completa em si mesma; todo homem é um pedaço do continente, uma parte da terra firme. Se um torrão de terra for levado pelo mar, a Europa fica menor, como se tivesse perdido um promontório, ou perdido o solar de um teu amigo, ou o teu próprio. A morte de qualquer homem diminui a mim, porque na humanidade me encontro envolvido; por isso, nunca mandes indagar por quem os sinos dobram; eles dobram por ti."

Um beijo daqui deste lado do Atlântico da Rô, tudo de bom!!!