domingo, abril 02, 2006

Por Ti...


Imagem daqui

As mãos
são a paisagem do coração.
Elas se separam às vezes
como desfiladeiros
para que forças indescritíveis rolem.

A mesma mão que o homem
apenas abre quando cheia de fadiga,
agora ele percebe:
por causa dele somente,
outros podem caminhar em paz...

Mãos são como paisagem.
Quando se abrem,
a dor de suas mágoas
corre livre como riacho.
Porém, sem sentimento de dor...
sem grandeza de dor...
Apenas para sua própria
maravilha de grandeza
Ele não conhece a forma
de nomear a mesma.

Andrzej Jawien
pseudónimo literário de João Paulo II
(1960)


Por Ti...

13 comentários:

Espectro #999 disse...

Parece que o tempo não passa, mas o certo, certo... é que se passou um ano.

Mas ele continua vivo.

Beijocas e inté.

Espectro #999 disse...

AAAhhhh!!!!!! efectivamente trata-se de uma torneira. Mas que raio pensavam que eu iria colocar, hein...??? eheheheheheh!!!!!!!!
Mas, gostaste de ver, não gostaste ? vá lá, confessa lá....
Podes ir ver outra vez que eu não digo nada a ninguém.

Beijocas e inté.

vendobarato disse...

Ola:

Encontrei o teu nick kando viajava, diria mesmo vagueava, a curiosidade me trouxe até aki.

Surpreendido, pela paz k me deste, obrigado.

Passeando no Parque disse...

Um ano se passou...quem diria, ele continua vivo nos corações da gente. Beijocas

lena disse...

sim passou um ano, parece que foi ontem

adorei lê-lo aqui, entre os meus silêncios e acreditar que ainda continua vivo entre nós

as tua partilhas são sempre belas, li os dois outros poemas, de poetas que acompanho, um gosto excelente menina linda, apesar de os conhecer soube bem reler

beijinhos para ti muitos, menina bonita

lena

Pedro Nobre disse...

Hoje, e todos os dias deviamos dar mãos pela fé e devoção. Quando forem 20h37 (hora do seu falecimento) em Portugal vou acender uma vela em sua homenagem... vamos iluminar o mundo com paz e amor... ;)

Era uma vez um Girassol disse...

Os olhos são o espelho da alma...
As mãos, o espelho do coração...
Dar as mãos, um gesto simbólico ou real de união e amor!
Bjinho

ACENDALMA disse...

Paz de espírito é o que sinto, ouvido, lendo, vendo... sentindo!

Talvez

amita disse...

Olá MM. Venho deixar-te um bjinho e desejar-te uma boa semana.
Aproveito para dizer o quanto lamento o desencontro do Acaso (só levei um tlm e logo aquele que desconheces) Foi muito lindo o evento, mas vai haver mais num tempo não muito distante.
Uma flor para ti.

Pedro Melo disse...

Olá!
Continuo a gostar muito de por cá passar!

Boa semana! Ate proxima!

M.M. disse...

Olá MM!
Gostei muito de ler o teu post.
Nunca houve, nem nunca há-de haver um Papa, como João Paulo II.
Com Carisma, Simpatia, e Fé.
Confesso que não sou católico praticante, mas acredito em Deus.
E gostava da maneira de agir de João Paulo II.
Por vezes a Vida é injusta e só nos leva as pessoas de quem mais gostamos.

Bjs.

M.M.

Anónimo disse...

Fiquei comovido ao ver desta forma simples uma Homenagem a um Homem que foi um exemplo para a Humanidade. Bem Haja
Cumprimentos
Pe. T. Almeida

Manel do Montado disse...

A nova Europa deve-lhe muito, assim como a Igreja do novo milénio.
Está onde Deus quer que esteja, nele sim, reconheci um verdadeiro mandatário de Deus na terra.
beijo